Domingo de Ressurreição: "no hay billetes ni toros"


Do Domingo de Ressurreição em Sevilha pouco há para 'recuerdo' para além de uma praça esgotada.

Lidaram-se toiros de Núñez del Cuvillo de pouco jogo e raça, condicionando o espectáculo, sendo que o quinto ainda permitiu algum luzimento a Manzanares.

Actuaram Morante de la Puebla, silêncio com aviso e palmas; José María Manzanares, silêncio e palmas após aviso; Roca Rey, palmas e silêncio.


Partilhar no Google Plus

Sobre NATURALES

NATURALES, CORREIO DA TAUROMAQUIA IBÉRICA é um site independente de informação, análise, divulgação e crítica. Existe desde 25 de Julho de 2001, o que faz do NATURALES actualmente, a mais antiga publicação de toiros portuguesa na Internet.
    Blogger Comentários
    Facebook Comentários