Situação dos cavaleiros tauromáquicos em destaque na imprensa





A edição de hoje da revista do Correio da Manhã, “Domingo”, dedicou as suas páginas aos desempregados da pandemia.

Entre as referências estão os cavaleiros tauromáquicos cuja reportagem denomina de “Cavaleiros Apeados”, referindo que à data já existe um prejuízo de 4,6 milhões de euros no sector.

Em quatro páginas, lêem-se declarações de Nuno Pardal, presidente da Associação Nacional de Toureiros, dos cavaleiros Rui Fernandes e Gilberto Filipe, e do antigo matador e gestor taurino, Rui Bento Vasquez.

Todos ressalvam o quão o sector está desprotegido, sem ajudas governamentais, e as grandes dificuldades pelas quais se passa,  acreditando-se contudo que a temporada possa reatar em Junho de 2020.