Tertúlias vão criar a 'Federação Nacional de Tertúlias'


Na sequência do Encontro de Tertúlias realizado recentemente em Alter do Chão e do I Congresso de Tertúlias do Concelho de Vila Franca de Xira, realizado no dia 14 de novembro de 2015, foi constituído um grupo encarregue de dinamizar a criação de uma Associação Nacional de Tertúlias Tauromáquicas. A necessidade de criar essa associação resulta, em primeiro lugar, da ausência de representação dos aficionados, a base da Festa de Toiros, na Comissão Nacional de Tauromaquia que funciona junto do IGAC e que apoia esta instituição na regulação dos espectáculos taurinos. 


Essa ausência deve-se, em parte, à inexistência de um organismo representativo das tertúlias, grupos e clubes de aficionados existentes em grande número em todo o país. Para além daquela representação, a associação virá a desenvolver uma ação muito mais vasta, nomeadamente: 

A representação dos aficionados portugueses em organismos internacionais; 

A defesa da Festa de Toiros, em todas as suas modalidades formais e populares, face aos ataques de que está a ser alvo sistemático e antidemocrático; 

O apoio mútuo entre os diversos agrupamentos de aficionados à festa de toiros e o intercâmbio entre eles, no quadro de iniciativas por elas desenvolvidas ou no âmbito das festividades de cada localidade; 

O desenvolvimento de iniciativas conjuntas de promoção da qualidade e da verdade na Festa de Toiros, pelas mais diversas vias, desde a presença crítica na opinião pública até à distinção dos intervenientes e organizadores; 


A defesa da Tauromaquia como Património Cultural Imaterial, a dignificação desse património e a participação no processo de elaboração da candidatura a registo desse Património. 


O grupo promotor da federação nacional de tertúlias tauromáquicas teve a sua primeira reunião em Alter do Chão, estando prevista a realização de uma reunião mensal, a partir de janeiro, em diferentes localidades, com vista a amadurecer as ideias entretanto elencadas e a promover a adesão do maior número possível de entidades. Esse processo deverá desembocar numa convenção a realizar em Abril de 2016, para eleição dos Órgãos Sociais e a aprovação do Plano de Atividades.


Apela-se, assim, a todas as Tertúlias, Clubes e Grupos de aficionados para que participem neste processo, reforçando a Festa de Toiros como emblema identitário da cultura portuguesa.


Assina: Grupo promotor de uma Associação Nacional de Tertúlias Tauromáquicas (Tertúlia Festa Brava, Confederação de Tertúlias de Vila Franca de Xira, Clube Taurino do Agrupamento de Escolas de Alter do Chão e Tertúlia Abre Max).













Partilhar no Google Plus

Sobre NATURALES

NATURALES, CORREIO DA TAUROMAQUIA IBÉRICA é um site independente de informação, análise, divulgação e crítica. Existe desde 25 de Julho de 2001, o que faz do NATURALES actualmente, a mais antiga publicação de toiros portuguesa na Internet.
    Blogger Comentários
    Facebook Comentários