A estátua dedicada aos Amadores de S. Manços - do princípio ao fim


O Grupo de Forcados de S. Manços cumpriu esta temporada 50 anos de existência. Uma efeméride comemorada em várias praças por onde foram marcando presença mas houve uma homenagem que lhes foi prestada e que teve maior significado. Aconteceu a 30 de Maio, na sua terra, com a inauguração de uma bonita estátua que lhes foi dedicada. A iniciativa foi da Junta de Freguesia de S. Manços e São Vicente do Pigeiro como “respeito e agradecimento” da freguesia a um grupo de referência na tauromaquia portuguesa.

A obra é da autoria de Francisco Charneca, artista natural de Évora onde nasceu a 11 de Setembro de 1959, tendo imigrado posteriormente com os pais para Moçambique onde morou até aos 15 anos. Aos dois anos de vida começou a desenhar.

Em Moçambique, Charneca estuda no Colégio Marista Pio XII, dirigido e ensinado por professores brasileiros, e conhece a cultura brasileira. Em 1975 regressa a Portugal, e ensaia uma nova expressão da arte: a banda desenhada e a caricatura. Em 1979 ingressa na Universidade de Évora no Curso de Arquitetura Paisagista.

A sua primeira exposição individual foi realizada no Museu Nacional de Évora em Maio de 1984. Todas as obras foram vendidas no primeiro dia do evento, registando o início de uma carreira de sucesso.

Em 1996 expõe pela primeira vez no Brasil, onde veio a casar, a viver e a abrir escolas de artes plásticas assim como galerias de arte. Artista de vários registos, desde a escultura à aguarela, Charneca tem na sua extensa obra, peças dedicadas à Tauromaquia, como outra estátua dedicada à figura do Forcado em Amieira e a estátua de José Mestre Batista em S. Marcos do Campo (imagens abaixo).


















A estátua dedicada aos Amadores de S. Manços foi feita num armazém que o artista possui em Azaruja e contou com a ajuda de seu irmão, António Charneca. 

Sem dúvida, obras que embelezam ainda mais estas localidades aficionadas.

Na reportagem abaixo, da autoria de Florindo Piteira, veja como nasceu a estátua dedicada aos Amadores de S. Manços:










































Partilhar no Google Plus

Sobre NATURALES

NATURALES, CORREIO DA TAUROMAQUIA IBÉRICA é um site independente de informação, análise, divulgação e crítica. Existe desde 25 de Julho de 2001, o que faz do NATURALES actualmente, a mais antiga publicação de toiros portuguesa na Internet.
    Blogger Comentários
    Facebook Comentários